Existem disponíveis Imóveis

Residencial

Subida de preços alastra para fora de Lisboa e Porto

Partilhe esta notícia   del.icio.us technorati digg facebook reddit google search.live Stumble this! Twitter

Quinta, 19 de Outubro de 2017 às 20:45

O mercado imobiliário está fervilhante, mas esta realidade não se confina a Lisboa e ao Porto: há outras cidades fora das duas maiores áreas metropolitanas do país que, fruto do aumento da procura, tanto nacional como internacional e face à escassez de produto, têm assistido à subida dos valores da habitação. Faro, Coimbra, Braga e Évora são alguns exemplos, com acréscimos entre os 2% e os 12%.A Confidencial Imobiliário (CI), que reúne dados sobre o sector imobiliário, tem mostrado nos indicadores que publica que o país está a recuperar da crise que quase paralisou esta atividade. No primeiro trimestre deste ano o preço das casas em Portugal continental subiu 6,2% face a período homólogo e apenas 15 dos 278 concelhos analisados tiveram descidas. Numa análise a partir do preço mínimo que foi atingido nos vários municípios (entre o segundo semestre de 2013 e o primeiro de 2014) e os valores atingidos no primeiro trimestre deste ano, a CI demonstra que, excetuando as áreas metropolitanas de Lisboa e Porto, o concelho de Faro é, no Algarve, o que teve maior valorização, com 42% e no resto do país surge Braga, com 16%.(LEIA MAIS NA VERSAO EM PAPEL)